A pequena caipira.

Vestida de caipirinha, fazendo charme, a Júlia dançou hoje na festa junina da escolinha dela. Foi uma delícia. Uma manhã de sol gostosa com um colorido indescritível formado pelas roupinhas das crianças e pela decoração com bandeirinhas. Sem contar o coral das caipiras e os músicos que faziam a trilha sonora de fundo em homenagem a São João.

DSC09955

DSC09966

Com fome, saímos de lá para almoçar no Tappo Trattoria. O restaurante estava abarrotado de casais celebrando o Dia dos Namorados, exceto pela nossa mesa formada pela Júlia, a avó japonesa, meu marido e eu.

Well, nada romântico. Mas aí eu pensei: por que as pessoas namoram? Não é justamente para chegar na fase em que estou? Ora, sendo assim, as outras mesas eram O Antes, a nossa O Depois. E um depois muito feliz por sinal.

O prato campeão de hoje não foi um prato, mas o antepasto: azeitonas, berinjela, sardela e pão italiano. Foi unanimidade: todos adoraram, inclusive a Júlia, uma ardente fã de azeites.

   DSC00067_2

Antes de irmos embora, uma moça chamada Júnia que estuda fotografia e estava na mesa ao lado pediu para tirar uma foto da pequena caipira. Vejam abaixo. Ficou uma graça e revela um pouco a atmosfera gostosa desse almoço num domingo que misturou São João e Santo Antônio.

  DSC00081
Foto: Júnia

Anúncios