O chinês que conquistou alemães e japoneses.

Nesta semana, a Júlia e eu fomos com a Carina, a Sofia  a Mariana, almoçar num clássico da Liberdade, o Chi Fu.

É um dos restaurantes favoritos da família nipo-germânica da pequena gourmet.

Pedimos macarrão com frutos do mar, pato assado, porco agridoce e arroz branco. Para beber, um jarrão de suco de laranja.

A Júlia frequenta o Chi Fu desde os 2 anos de idade e o prato favorito dela é frango com legumes, que inclui brócolis, broto de bambu, cogumelos, couve-flor e algas.

As porções generosas permitem comer superbem, por um preço bem abaixo da média dos restaurantes em São Paulo. Isso também facilita pedir pratos diferentes e fazer as crianças provarem ingredientes variados.

Tem cadeirões aos montes, sinalizando que crianças são bem-vindas.

Nos finais de semana lota. Por isso, é preciso chegar antes das 12h. Se estiver em poucas pessoas, vá preparado para dividir a mesa. As garçonetes mal e mal falam português. O restaurante não aceita cartões. 

Dica: leve os talheres das criança, caso elas ainda não comam com talheres de adultos ou hashi com elastiquinho.

DSC01423

O estilo meio kitsch dos ambientes é uma miniviagem para algum lugar imaginário na China.  

 

Anúncios